Seguro de carga: vale a pena contratar para sua empresa?

seguro de carga

O número de roubo a cargas rodoviárias vem aumentando gradativamente nos últimos anos. Somente em 2017, a Polícia Militar registrou um aumento de 50% deste tipo de crime nas rodovias mineiras em comparação com o ano anterior. Esse dado revela a atenção que as empresas – sejam elas terceirizadas ou com frota própria – precisam ter em relação ao seguro de carga.

Além dos roubos nas rodovias, o transporte de cargas está sujeito a uma série de riscos que podem comprometer a segurança e integridade das mercadorias que estão sendo transportadas: acidentes, perdas e extravios, por exemplo, são algumas situações comuns nas rodovias brasileiras e que trazem prejuízos para a empresa responsável.

Para que isso não aconteça, a contratação do seguro de carga é essencial para contornar os riscos, evitar problemas e manter as operações da empresa funcionando normalmente. Continue a leitura e saiba por que o seguro de carga pode fazer toda a diferença para seu negócio!

Qual a função do seguro de carga?

O seguro de transporte de carga possui a finalidade de cobrir qualquer tipo de dano ou prejuízo causado às mercadorias, independentemente de o problema ter acontecido com o proprietário, o vendedor ou até mesmo o cliente. Com isso, é possível ressarcir os danos sofridos e evitar prejuízos financeiros e materiais.

O seguro de carga pode ser adquirido tanto pela empresa que irá realizar o transporte quanto pelo cliente que receberá a mercadoria. Nos casos em que o transporte é feito por transportadora terceirizada, geralmente o valor do seguro já está incluído na aquisição do serviço.

Quais os benefícios?

Muitas empresas ainda veem o seguro de carga como um gasto desnecessário por acreditar que nenhum problema irá ocorrer durante o transporte. Mas é preciso olhar por outro lado: esse tipo de serviço deve ser visto como um investimento necessário e capaz de garantir diversos benefícios para a organização. Abaixo, listamos os principais:

Cumprimento às obrigações legais

Mais do que uma opção, existem alguns tipos de seguro que são obrigatórios por lei. Dessa forma, a empresa responsável pelo transporte da carga deve contratar todas as modalidades obrigatórias. Com isso, ao cumprir as obrigações legais impostas pela legislação vigente ainda é possível evitar multas e processos judiciais.

Maior segurança

Do ponto de vista financeiro, o grande benefício do seguro de carga é a maior segurança e tranquilidade que este tipo de serviço proporciona às empresas. Isto porque, como já abordamos, o seguro cobre qualquer tipo de problema que possa ocorrer durante o transporte da carga, garantindo que você receba o reembolso integral em caso de acidentes, roubos, extravios ou demais condições.

Satisfação do cliente

Quando a carga não chega ao cliente, devido a algum dos problemas que já citamos anteriormente, a insatisfação com o serviço prestado por sua empresa pode aumentar consideravelmente, afinal o consumidor irá ficar desamparado. Por isso, os ressarcimentos e indenizações previstos pelo seguro permitem uma solução mais ágil e eficiente de um eventual sinistro, contribuindo para a satisfação dos clientes.

Otimização do gerenciamento de risco

A empresa que oferece o seguro de carga, geralmente, oferece um serviço de consultoria periodicamente para apresentar novas propostas e ações que visam corrigir falhas e evitar que a empresa se torne alvo de sinistros. E nesses casos, o gerenciamento de riscos pode ser um excelente aliado, já que proporciona a melhoria do serviço e a cobertura dos bens transportados, além de impactar na melhoria contínua das operações.  

Continuidade do negócio

Para empresas de pequeno porte, o roubo de uma carga de alto valor ou a perda total de um caminhão em caso de acidente pode ser o suficiente para comprometer o fluxo de caixa e colocar em risco a continuidade do negócio. Mas com o seguro de cargas, é possível garantir estabilidade econômica e evitar sobressaltos financeiros, o que contribui para que a empresa continue operando ativamente no mercado.

Quais são os tipos de seguro?

Existem diversos tipos de seguro de cargas que são específicos para diferentes situações e modalidades de transporte. Conheça os principais e saiba quais são os mais adequados para sua empresa!

Seguro de transporte nacional

É um tipo de seguro obrigatório que deve ser contratado pela empresa proprietário da mercadoria. O serviço garante o pagamento de indenizações pelos prejuízos às mercadorias durante a viagem rodoviária, terrestre ou aquaviária, em decorrência dos riscos cobertos em conformidade com as coberturas contratadas.

RCTR-T

O RCTR-T, ou Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário de Carga, é um tipo de seguro obrigatório que cobre os acidentes que ocorrem nas vias, como colisões, tombamentos, incêndios, capotagens, entre outros. A finalidade deste tipo de seguro é proteger os motoristas e garantir o direito de reembolso da indenização paga devido aos prejuízos nas cargas transportadas. 

RCF-DC

O Seguro de Responsabilidade Civil Facultativa do Transportador Rodoviário por Desaparecimento de Carga, ou simplesmente RCF-DC, garante o reembolso em caso de roubos, furtos, apropriação indébita ou estelionato da carga transportada. Este tipo de seguro é facultativo.

RCTR-VI

O Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário de Cargas em Viagem Internacional é obrigatório para os veículos de carga que transitam de um país a outro dentro do Mercosul. A apresentação do certificado de cada veículo é obrigatória ao atravessar a fronteira e quem não o possui precisa realizar a contratação na aduana para prosseguir a viagem.

 

Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário abaixo. Sua contribuição é sempre muito bem-vinda. Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *