Transformação digital no varejo: como se adaptar a essa nova realidade?

transformação digital

A transformação digital trouxe mudanças profundas na maneira como cada consumidor pensa e interage com o mercado. A popularização da internet e dos dispositivos móveis ressignificou os modos de consumo e criou novos hábitos de compra. Hoje, com apenas alguns cliques é possível realizar uma compra e receber o produto em casa.

As empresas que não se adaptam a essa nova realidade acabam perdendo competitividade frente às necessidades e demandas do consumidor moderno. Para se ter uma ideia, um levantamento realizado pela NZN Intelligence mostrou que 74% dos consumidores preferem a modalidade online em relação às compras realizadas em lojas físicas.

Esse dado nos revela que adaptar seu modelo de negócios à transformação digital não é mais uma opção, e sim uma necessidade do mercado. Mas afinal, como adaptar sua empresa a essa nova realidade? Continue a leitura e saiba mais!

O que é transformação digital?

O conceito de transformação digital se refere às mudanças estruturais pelas quais a nossa sociedade está passando. O motor dessa nova fase é a inovação disruptiva, causada principalmente pelo surgimento e a evolução acelerada de novas tecnologias.

Nesse novo cenário, a tecnologia desempenha papel central em todos os processos de uma organização. As ferramentas tecnológicas são as grandes aliadas para promover uma maior integração logística, otimizar o desempenho, potencializar o alcance e garantir melhores resultados para a empresa.

Na prática, o impacto se estende das instituições públicas e privadas até nossas casas, local onde novas formas de comunicação e interação passaram a fazer parte do nosso dia a dia. O varejo, assim como os demais setores do mercado, precisam passar por um processo de transformação profunda para atender às novas necessidades de consumo.

Como se adaptar à nova realidade? 

É importante entender que a transformação digital no varejo é, em primeiro lugar, um processo de transformação cultural. A mudança só começa a acontecer a partir do momento que pessoas entendem os processos internos da corporação e passam a utilizar novas tecnologias como aliadas estratégicas. Entenda melhor como sua empresa pode se adaptar a essa nova realidade!

Envolva toda a sua equipe

Por mais que a tecnologia seja o ponto central da transformação digital, o primeiro passo é colocar as pessoas no centro de todas as mudanças. Promover uma mudança na cultura interna é fundamental para que cada colaborador possa enxergar seu novo papel diante das transformações trazidas pelo ambiente digital. Diante desse cenário, sua equipe precisa desenvolver as competências necessárias para oferecer benefícios aos seus clientes e se diferenciar no mercado.

Reveja sua estrutura

O ideal é aproveitar ao máximo os processos estruturais de funcionamento que você já possui, como a estrutura administrativa já existente na loja física, os fornecedores atuais, o mix de produtos, o conhecimento sobre o consumidor, a logística, etc. Contudo, é preciso buscar mudanças que promovam a criação de novas áreas que estimulem a inovação e fazer as alterações necessárias para a nova realidade do mercado.

Aposte em novas tecnologias

Há uma enorme quantidade de softwares e hardwares que podem ajudar a realizar as tarefas diárias, muitas vezes automatizando os processos e garantindo a padronização dos resultados finais, e eles devem ser aproveitados. Um bom software de gestão, por exemplo, é o mais básico. Ele funciona como uma espinha dorsal para toda a modernização, pois facilita o trabalho diário e permite a integração de novas tecnologias.

Invista em dados

O tempo da intuição ficou para trás, mas fazer essa mudança demanda novas habilidades e competências. O mercado é complexo demais para que o varejo determine preços, promoções, sortimento, volume de compras e expansão com base naquilo que uma ou algumas pessoas acreditam ser o ideal. Por isso, os dados fornecem informações precisas e detalhadas, contribuindo para tomar decisões estratégicas e assertivas em todos os processos logísticos.

Escolha por onde começar

Com as novas tecnologias digitais, existem variadas opções que você pode testar em sua empresa. Alguns bons exemplos são o catálogo virtual, e-commerce, marketplace, omnichannel, etc. É importante conhecer os hábitos de compra de seu público-alvo para escolher a estratégia que mais funciona para o seu negócio.

O centro de distribuição como aliado da transformação digital

Não é novidade que o consumidor está cada vez mais exigente no processo de compra. Com a facilidade de acesso, é possível comparar diferentes marcas, produtos e preços em apenas alguns minutos e descobrir qual oferece o melhor custo-benefício e a melhor experiência de compra. 

O consumidor moderno está priorizando por entregas cada vez mais ágeis e eficientes. Quando ele percebe que a entrega vai demorar demais, pode acabar optando por comprar com um concorrente. É por isso que contar com centros de distribuição estratégicos também é um grande diferencial no processo de transformação digital no varejo.

Empresas de varejo de médio e grande porte que possuem atuação em diversas regiões precisam contar com centros de distribuição espalhados por diferentes locais para garantir uma entrega rápida a todos os clientes. Lembre-se que a experiência do cliente é um grande diferencial quando falamos em transformação digital no varejo!

 

Para te ajudar a ficar cada vez mais perto dos seus consumidores, a Sindi Investimentos possui um condomínio logístico próximo às principais vias de escoamento rodoviário da Grande Belo Horizonte e ao novo centro comercial do Contagem. Conheça melhor e garanta uma entrega muito mais ágil e rápida para seus clientes!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *